O governo indiano apresentou nesta quinta-feira o protótipo de um computador portátil com funções similares ao do iPad, da Apple, mas por um preço mais em conta, de US$ 35 (R$ 62).

Kapil Sibal, ministro indiano do Desenvolvimento de Recursos Humanos, apresentou o tablet como uma iniciativa para beneficiar estudantes do país. O eletrônico permite navegação na internet, vídeo-conferências e edição de textos. É um projeto desenvolvido pelas principais universidades de tecnologia da Índia e, ao invés de não possuir um disco rígido, funciona com um cartão de memória como o utilizado por celulares. Outra novidade é que pode utilizar energia solar.

Ainda sem fabricante, Sibal anunciou que o tablet é uma resposta aos laptos de US$ 100 aos produzidos pelo MIT (Massachusetts Institute of Technology). “Agora convidamos indivíduos, empreendedores, firmas e indústrias para produzir o dispositivo a preços mais baratos do que este. Mostramos ao mundo que produzimos um dispositivo mais barato enquanto os preços dos computadores sobem”, disse o ministro ao jornal indiano “Economic Times”.

Preço mais em conta

Enquanto o projeto dos americanos do MIT era distribuir um laptop a cada criança de países em desenvolvimento a US$ 100, os indianos querem um tablet a baixíssimo custo.

Embora parecido com o iPad, que custa US$ 499 (R$ 820), o ministro indiano planeja baixar o preço, inicialmente estimado em US$ 35, para US$ 20. E pode chegar até a US$ 10. Com informações da BBC Brasil.

by: Band